Arquivo do autor:Paulo

Previdência: sua história e seus problemas atuais

Por Paulo Roberto Roggério A primeira parte deste artigo foi publicada no DCI – DIÁRIO COMÉRCIO & INDÚSTRIA, em 27/10/1981; a segunda em 28/10/1981 e a parte final em 29/10/1981. A matéria foi incluída no Manual de Práticas e Políticas Trabalhistas no Brasil, do MCB - Management Center do Brasil, de 1982, e no Manual of Labor Practices and Policies in Brazil, do mesmo ano. A publicação ... continue lendo [...]

Soma do infinito

Por Paulo Roberto Roggério A compreensão dos fenômenos de qualquer natureza se dá ou pelo estudo minucioso de uma causa e seu efeito, ou pela compreensão súbita do mesmo fenômeno. No primeiro caso, utilizamos ou o método indutivo, no qual, a partir das causas, percorremos seu caminho factual ou lógico para compreender os efeitos, ou o método dedutivo, no qual apreciamos os efeitos e percorremos ... continue lendo [...]

Crescimento populacional e idade da população

Por Paulo Roberto Roggério Thomas Malthus foi um economista inglês, nascido em 1766 e falecido em 1834. Seus estudos pioneiros sobre o crescimento da população e o crescimento da produção de alimentos, publicados em An essay on the principle of population (Um ensaio sobre o princípio de população), o tornaram conhecido como “Pai da demografia”. Assim como outros princípios ou postulados ... continue lendo [...]

O samaritano e o cireneu

Por Paulo Roberto Roggério Seguramente, a expressão “o bom samaritano” é bastante conhecida e compreendida, mesmo para além da cristandade, significando, sem qualquer divergência de interpretação, uma boa pessoa, sempre pronta a auxiliar o seu próximo. A parábola do “bom samaritano” é descrita no Evangelho de São Lucas (Lc, 10, 25-37), nestas palavras: Um doutor da Lei se ... continue lendo [...]

Síndrome de Midas

Por Paulo Roberto Roggério O rei Midas é uma das personalidades mais conhecidas da mitologia grega, pelo interesse que desperta a sua história e o seu “toque de ouro”. Um oráculo, ser assemelhado a um adivinho ou profeta de hoje, afirmou que o futuro rei chegaria em uma carroça. De fato, uma família chega ao reino em uma carroça, conduzida por Górdio, coroado rei para cumprir a profecia. ... continue lendo [...]

Inteligência artificial, burrice natural

Por Paulo Roberto Roggério Isaac Asimov nasceu na Rússia e estudou na Universidade de Colúmbia, nos Estados Unidos. Foi professor da Universidade de Boston e autor de vasta produção literária, tanto em ciência quanto em ficção. Pode ser considerado um dos pais da ficção científica, especialmente por sua obra mais conhecida: I, robot (Eu, robô), publicada em primeira edição em 1950. A ... continue lendo [...]

Estrutura e conjuntura

Por Paulo Roberto Roggério Os termos estrutura e conjuntura têm significados distintos, e ainda permitem conceitos diferentes, como subdivisões, segundo a forma e o tempo em que são aplicados em relação a um organismo específico. Estrutura tem como representação primeira a ideia de base ou conjunto de elementos de fixação nos quais um organismo é disposto segundo uma ordem harmônica ... continue lendo [...]

A indiferença no século XXI

Por Paulo Roberto Roggério A genialidade, ou a inspiração divina, conduz as pessoas a registrar a sabedoria perene, o mais das vezes em pequenos textos, mas de profundidade quase inescrutável. Vejamos dois destes textos, e o quanto podemos deles extrair ao sobre eles refletir. O primeiro excerto, a seguir, é apenas o primeiro parágrafo do Discours de la methóde, pour bien conduire la raison ... continue lendo [...]

Paul Revere, Peter o pequeno herói holandês e a heroína de Mariana

Por Paulo Roberto Roggério As treze colônias que após a Guerra da Independência formaram os Estados Unidos da América eram integrantes do vasto Império Britânico e tinham certa autonomia administrativa, quadro que se alterou depois da guerra travada entre ingleses e franceses na América do Norte (1763). Como toda guerra tem um alto custo, os britânicos, apesar de vencedores, deliberaram ... continue lendo [...]

A taille e a gabelle

Por Paulo Roberto Roggério Assim como Napoleão Bonaparte disse a seus soldados, ao se aproximarem das famosas pirâmides do Egito: "do alto destas pirâmides, quarenta séculos vos contemplam", assim também alguns séculos de distância marcam na história Xenofonte e Adam Smith: o filósofo grego, que viveu de 430 aC a 355 aC, foi o primeiro a usar o termo "economia", correspondente a oikos e ... continue lendo [...]