Como preencher e assinar PDFs digitalmente

É muito comum a necessidade de preencher e assinar formulários em arquivos no formato PDF, envolvendo assinatura e reenvio para o remetente. Arquivos nesse formato tem a vantagem de não perder a formatação ao abrir em diferentes programas e sistemas operacionais, mas não são editáveis. Para incluir a imagem de uma assinatura é pior ainda.

Nesses casos, o que muitas pessoas fazem é imprimir, preencher a mão e passar os papéis em um scanner, para então enviar os arquivos (muitas vezes em formato de imagem, em vez do PDF) ao remetente. No entanto, em vez de receber um documento digital, torná-lo físico para então transformá-lo novamente em digital, você pode fazer o preenchimento todo digitalmente, sem imprimir ou passar no scanner.

1) Digitalizar sua assinatura

Só para ficar claro, esse não é um procedimento para uma assinatura com certificado digital ou algo mais seguro, e sim uma simples assinatura em papel a ser “escaneada” pelo celular. Atualmente, todos os smartphones vem com câmera, que pode ser usada para digitalizar uma imagem através de uma fotografia. No entanto, os editores de imagem que costumam vir nos celulares são bem simples e voltados para trabalhar com fotografias com muitas cores e detalhes, deixando o arquivo final pesado e com muita informação indesejada.

Um bom aplicativo simples e gratuito (porém com propagandas) é o ClearScanner. Ele não insere marcas d’água, permite digitalizar um número ilimitado de documentos e salvar no formato JPG – diferentemente de outros apps. Além disso, tem uma funcionalidade fundamental aos aplicativos de escaneamento que á a interpretação da imagem como um documento, o que envolve classificar tudo em página branca e texto em preto.

Telas com exemplo de documento sendo fotografado, selecionado e tratado no aplicativo
Telas com exemplo de documento sendo fotografado, selecionado e tratado no aplicativo

Após instalá-lo, execute-o e clique na câmera para tirar uma foto ou importe uma imagem já presente no celular. Faça a sua assinatura em um papel em branco, com uma caneta de ponta grossa e cor escura escura, e foque bem para tirar a foto com o celular. Os próximos passos envolve o recorte, rotação e o tratamento da imagem para ser um documento. Escolha um nome e salve o arquivo no formato JPG, compartilhando da forma que for mais conveniente – o arquivo será necessário para o próximo passo.

Opcional: você pode usar um outro software de edição de imagens para transformar o fundo como transparente e salvá-la em um formato que tenha suporte a transparência, como o PNG ou GIF. Se usar o GIMP, abra a imagem salva e escolha a opção “camada -> transparência -> cor para alfa” para definir o branco como o fundo transparente.

2) Preenchimento digital e online de formulário em PDF

Existem vários programas e sites que permitem editar um arquivo PDF, sendo a plataforma online desse tutorial uma sugestão. Com seu arquivo no computador (ou celular), abra o site PDF escape e arraste (ou selecione) seu arquivo.

Tela de edição online de arquivo PDF com formulário, inserindo texto e com assinatura recém incluída
Tela de edição online de arquivo PDF com formulário, inserindo texto e com assinatura recém incluída

Com o arquivo aberto na tela de edição, clique em “text” e então clique no ponto onde deseja começar a escrever o texto. Se quiser alterar a fonte (tipo e/ou tamanho), as opções aparecem no topo, sendo necessário clicar novamente no documento após a alteração.

Para inserir a assinatura, clique em “image” e arraste (ou selecione) seu arquivo. Clique e arraste no local do documento onde deseja inserir a imagem, soltando quando o retângulo ocupe a região a ser ocupada pela assinatura. Você pode redimensionar e mover até ficar a contento, com cuidado para não distorcer muito o formato original.

Para exportar o arquivo PDF com as alterações e salvá-lo no computador, clique no ícone “save & download PDF” (botão verde no menu à esquerda). Fazendo registro no site, você pode salvá-lo na nuvem da própria plataforma. Finalmente, o arquivo está devidamente preenchido para ser enviado novamente ao remetente ou ao devido destinatário.

Com a evolução da tecnologia, esperamos que esse tipo de procedimento, apesar de facilitar algumas coisas atualmente, seja coisa do passado.