Arquivo da tag: gastronomia

Comidas que parecem mas não são

Quanto mais industrializada a comida, cada vez mais ela fica longe das suas origens, devido às misturas, processamentos e adição de conservantes, corantes, etc. Existem filmes e desenhos que mostram as sociedades do futuro se alimentando de cápsulas que contenham todos os nutrientes necessários, com sabor artificialmente igual ao natural - algo que não estamos tão distantes assim, basta olhar ... continue lendo [...]

Café

O cafeeiro é uma árvore que gera o fruto de café, do qual utilizamos os grãos torrados e moídos para fazer as nossas xícaras de café. Pode medir de 2 a 5 metros na fase adulto e o fruto demora de 7 a 8 meses para amadurecer. A espécie mais conhecida e cultivada é a Coffea arabica ("café-arábica"), seguida pela Coffea canephora ("café-robusta" ou "conilon"). Originário da região da atual ... continue lendo [...]

Coxinha e rissole

O salgado (ou salgadinho) é um tipo de aperitivo frito ou assado com diferentes recheios. São comuns na cultura brasileira, consumidos em festas de aniversários, festividades e no dia a dia, geralmente durante o intervalo entre refeições principais. Dentre os mais populares, estão: empadas, croquetes, coxinhas, esfirras, quibes, enrolados, rissoles e bolinhos de bacalhau, de queijo e de carne. Dentre ... continue lendo [...]

Pudim de claras

O pudim e o flan são doces muito parecidos. Ambos levam leite e ovos, mas a consistência do flan lembra mais a de gelatina que o pudim, este mais firme e cremoso. A origem do flan/pudim remonta do Império Romano, passando pela Idade Média até os dias atuais. Os pudins antigos são mais sólidos, podendo incluir farinha de trigo (Pudim de Yorkshire), ovos (pudim de pão), gordura ou algum outro ... continue lendo [...]

Creme queimado com fava de baunilha

Crème brulée é o nome em francês para "creme queimado". Essa sobremesa é muito conhecida por sua crosta de açúcar queimado por um maçarico em cima e pela utilização da baunilha para dar sabor. É diferente do leite-creme (sobremesa portuguesa) principalmente pela forma de preparação e ingredientes: o leite-creme é feito ao fogo e contém farinha, enquanto o creme brulée é feito no forno, ... continue lendo [...]

Doce de leite

O doce de leite é feito a base de leite e açúcar e tradicional em vários países da América Latina. Sua origem é disputada por vários países, principalmente Argentina e Brasil. Em 1996, o Mercosul elaborou um regulamento técnico que determina critérios para a fabricação do verdadeiro doce de leite. Este teria de ter redução de acidez de 17 para 13 graus Dornic (unidade de medida para ... continue lendo [...]

Pão de queijo mineiro

O pão de queijo é uma receita tradicional mineira que acredita-se existir desde o século XVII, mas que ganhou fama após os anos 1950. Apesar do nome, consiste basicamente em um tipo de biscoito de polvilho de consistência macia e elástica. O polvilho (também chamado de fécula de mandioca, carimã ou goma) é o amido da mandioca. Pode ser do tipo azedo após fermentação e secagem solar, ... continue lendo [...]

Faça seus próprios donuts

Um doughnut (ou donut, na versão abreviada, ou rosquinha) é um pequeno bolo em forma de rosca (mais precisamente de toro). Muito popular nos EUA (especialmente entre os "tiras") tornou-se mundialmente conhecido em parte graças à rede norte-americana Dunkin' Donuts, fundada em 1950. No Brasil, a Dunkin' Donuts abriu sua primeira sede em 1980, mas acabou fechando a rede e passando os pontos para ... continue lendo [...]

Doces portugueses

Quase todos os tradicionais doces portugueses trazem como ingredientes principais gema de ovo, farinha e açúcar - às vezes um pouco de amêndoas. Eles fazem parte da chamada "doçaria conventual", pois eram elaborados por freiras e monges em conventos. Daí surgiu o creme de pasteleiro (mistura de gemas com leite e uma farinha que engrosse a mistura), com uma consistência espessa e cor amarelada, ... continue lendo [...]

Nápoles e Pompeia

A cidade de Napoli localiza-se na região da Campânia, no sul da Itália. É conhecida mundialmente pela sua história, sua música, seus encantos naturais e por ser a terra natal da pizza. Foi conquistada pelos romanos no século IV a.C. No século VI d.C., passou para domínio bizantino e, no século VIII, constituiu-se em ducado independente. Em 1139, passou a pertencer ao reino da Sicília. Em ... continue lendo [...]