Octave

O GNU Octave é uma linguagem de alto nível, desenvolvida para computação matemática. O interpretador do Octave trabalha em conjunto com os softwares gnuplot e Grace para plotar e salvar gráficos. Foi escrito em C++ e usa um interpretador para executar os scripts dessa linguagem. Possui compatibilidade com o MATLAB, contando um grande número de funções semelhantes e sendo assim uma opção livre e gratuita.

A instalação básica no Debian (Jessie) e derivados é dada pelo seguinte comando - mais detalhes na Wiki do Octave:

$ sudo apt-get install octave

Esse comando também instala uma interface gráfica, que permite gerenciar arquivos, variáveis do ambiente de trabalho, histórico de comandos, terminal de execução de comandos e editor de scripts.

Na janela de comandos, estes podem ser executados diretamente, conforme exemplo abaixo:

>> printf ("Monolito Nimbus\n");

Também podem ser executados via script. Primeiramente, devemos ir para a aba "editor" e salvar o arquivo com um nome - "teste.m", por exemplo. Depois, escrever as seguintes linhas (a variável "var" recebe o texto que será impresso na linha seguinte, lembrando que o ponto e vírgula no final omitem a execução do comando na tela do terminal):

var = "Monolito Nimbus\n";
printf (var);

Salve o arquivo, volte para a aba "janela de comandos" e escreva o nome do script, sem o ".m", para executá-lo.

Se preferir executar o script diretamente de um terminal Linux, basta executar o seguinte comando (estando no diretório do script):

$ octave teste.m

Veja um exemplo de código comentado:

% Fechar janelas, limpar variaveis e janela de comandos
close all; clear all; clc;

% Adicionar caminhos de funcoes que nao estejam no mesmo diretorio
addpath ("~/scripts_causalidade/hosa/hosa/")

% Abrir arquivo com dados
load('dados.mat')

% Plotar valores e gravar em arquivo PNG
x = 1:length(data);
plot(x,valor./10000,'r',x,prec,'g',x,tmin,'b',x,tmax,'k');
print('-dpng','series_temporais');

% Verificar linearidade e gaussiana
glstat(valor)

Conforme mencionado antes, os comandos são praticamente iguais aos executados no MATLAB - clique no link para ver mais.

Pacotes

Para instalar pacotes e funções que não venham na instalação "default", é possível instalar o pacote baixado previamente através do seguinte comando no terminal do Octave:

>> pkg install nome_do_pacote.tar.gz

Também é possível instalar diretamente do Octave-Forge: um projeto comunitário para desenvolvimento colaborativo de extensões do GNU Octave, chamado "Octave packages". Pra utilizá-lo, primeiramente instale o seguinte pacote Debian através do comando:

$ sudo apt-get install liboctave-dev

Somente então execute o seguinte comando no terminal do Octave:

>> pkg install -forge nome_do_pacote

Talvez você descubra que precisa de uma determinada função mas não sabe qual o pacote. Busque nesse índice alfabético das funções do Octave-Forge e o nome do pacote estará entre colchetes ao lado.

Por fim, não esqueça de carregar a função:

>>pkg load nome_do_pacote
Compartilhe o link desse texto, mas se for copiar algum trecho, cite a fonte. Valorize nosso trabalho.
Mais informações na licença de uso do site.

Um Pingback/Trackback

  • MATLAB | Monolito Nimbus
  • […] opensource gratuita ao MATLAB, com alto grau de compatibilidade entre funções ...
    15/02/2017 12:50