Celebridades na aviação

Existem algumas celebridades cuja vida está intimamente ligada à aviação. Vamos ver aqui um pouco sobre a paixão de John Travolta pela aviação, Bruce Dickinson, vocalista da banda de heavy metal Iron Maiden, a vida do multimilionário e produtor de cinema norte-americano Howard Hughes (representada no filme “O Aviador“, de Martin Scorsese) e a experiência do apresentador de TV Cazé Peçanha na Pan Am.

John Travolta (equerda) e Bruce Dickinson (direita).

John Travolta (equerda) e Bruce Dickinson (direita).

O ator John Travolta, que ficou mundialmente conhecido como o astro de “Os Embalos de Sábado à Noite”, morava bem próximo ao aeroporto quando garoto em Nova Jersey (EUA). Em 1982 ele chegou a negar um trabalho para poder fazer um curso de aperfeiçoamento de pilotos. Hoje ele é piloto e possui um Boeing 707.

Bruce Dickinson, mais conhecido como o vocalista da banda de heavy metal Iron Maiden, tirou o brevê na década de 1990 e desde a fundação da companhia Astraeus Airlines, em 2002, era capitão em voos de Boeings 757. A companhia teve que fechar suas operações após um verão “mais fraco do que o esperado”, conforme o presidente Hugh Parry à BBC. O vocalista era piloto de voos comerciais e fez o último voo da companhia, entre Jeddah, na Arábia Saudita, e Manchester, na Inglaterra. Durante seu período na Astraeus, Dickinson pilotou outros voos marcantes, como o que levou a equipe do Liverpool para a disputa de um jogo da Liga dos Campeões em Nápoles, em outubro de 2008, e um dos primeiros voos a sair de Nova York após o furacão Irene. Foi responsável por pilotar o Boeing 757 que levou a banda na Somewhere Back in Time World Tour. Agora está interessado em abrir sua própria companhia aérea. Veja um video do vocalista conhecendo (e pilotando) um avião da Embraer:

Outros atores, como Harrison Ford, Angelina Jolie, Brad Pitt, Morgan Freeman e Tom Cruise também possuem licença para pilotar. Morgan Freeman já foi mecânico de aeronaves, Tom Cruise já viveu um piloto da força aérea dos EUA no cinema (filme Top Gun) e Harrison Ford já viveu um piloto de espaçonaves mercenário (trilogia Star Wars).

Howard Hughes foi dono da TWA (companhia aérea norte americana), rival da Pan Am, aviador, engenheiro aeronáutico, industrial, produtor de cinema, diretor cinematográfico e um dos homens mais ricos do mundo. Investiu sua fortuna, herdada aos 18 anos, também revelando astros e dirigindo filmes (Hell’s Angels). Coordenou a construção do avião Hughes H4 Hercules, em 1947, o maior já construído, com o objetivo de transportar armas e tropas para a Europa durante a Segunda Guerra Mundial e fugir dos submarinos alemães no Oceano Atlântico. Foi piloto do seu único voo. Também desenvolveu o avião espião XF-11, e ao testar o primeiro avião, Hughes quase morreu em um acidente aéreo ao cair com o aparelho nas vizinhanças de Beverly Hills.

Falando em Pan Am, a Pan American World Airways foi a principal companhia aérea estadunidense da década de 1930 até o seu colapso em 1991. Inclusive no filme “2001: uma odisseia no espaço” existe um ônibus espacial da Pan Am fazendo o transporte de passageiros para fora da Terra. Quem já trabalho lá em solo foi o apresentador de televisão Cazé Peçanha. Carlos José de Araújo Pecini (Cazé) é um ex-VJ da MTV Brasil, onde se destacou por seu extinto programa Teleguiado. Chegou a apresentar na Rede Globo, entre abril e maio de 2001, o programa Sociedade Anônima, e foi convidado para apresentar o programa Custe o que Custar (o CQC) da Band, mas rejeitou, optando por permanecer na MTV; no seu lugar entrou Marcelo Tas. Ouça o depoimento que Cazé deu ao nerdcast sobre sua experiência de trabalho (como entrou na profissão e até uma curiosidade sobre seu uniforme) em serviços de solo da Pan Am:

O apresentador e comentarista de esportes da Globo Alex Escobar também já foi comissário de bordo, entre 1996 e 2000.

Nas comemorações de 35 anos da TAM, a cantora Ivete Sangalo foi caracterizada como um autêntico tripulante (comandante e comissária) da TAM para dar as boas-vindas aos passageiros. Além de fazer piadas bem-humoradas, distribuiu brigadeiros para os nossos passageiros. Veja um vídeo dela bancando a comandante do voo de Salvador para Nova York:

Para finalizar, uma personalidade que já leva no nome sua homenagem à aviação: a manteiga Aviação! Fundada em 1920 na cidade mineira de Passos por Antonio Gonçalves, Augusto e Oscar Salles, o nome surgiu de uma atividade moderna e tecnológica naquele tempo, quando começavam a voar os primeiros aviões. A alaranjada embalagem da manteiga passou por uma alteração apenas nos anos 40, no desenho do avião. O símbolo da marca passou de um biplano mono-motor para um modelo Junker, que se mantém até hoje. Algumas latas retrôs ainda trazem a figura do biplano. Para preservar a história da manteiga, a empresa abriu o Museu da Manteiga Aviação em São Sebastião do Paraíso (MG) de frente para o prédio da fábrica. O museu foi montado dentro da Casa da Manteiga, uma loja exclusiva dos produtos Aviação.

manteiga-aviacao

Veja mais: Clube CEU, O Globo, Reality Publicidade , Blog da TAM e Laticínios Aviação.

Compartilhe o link desse texto, mas se for copiar algum trecho, cite a fonte. Valorize nosso trabalho.
Mais informações na licença de uso do site.

Um Pingback/Trackback