Arquivos da categoria: Meteorologia

Fatos sobre o funcionamento da Atmosfera.

Gênios, sacis e redemoinhos

Se você encontrasse um gênio da lâmpada, quais seriam seus três desejos? Essa pergunta, tão comum na cultura ocidental, tem origem ligada ao mundo árabe, intimamente ligada a um fenômeno meteorológico muito comum em regiões quentes, pouca vegetação e ventos fracos: os dust devils, conhecidos no Brasil como redemoinhos. Gênio A palavra "gênio" vem do Latim genius, que significa ... continue lendo [...]

Piove, piove

Adoniran Barbosa: esse é o nome artístico de João Rubinato (Valinhos, 1910 - São Paulo, 1982), filho de imigrantes italianos de Cavárzere (província de Veneza). Trabalhou como humorista na rádio (emplacou o famoso bordão "nós viemos aqui pra beber ou pra conversar?") mas sua vida ficou marcada como sambista. Provavelmente, seu maior sucesso tenha sido "Trem das Onze", que virou "hino" de São ... continue lendo [...]

Meteorologia e música

As condições atmosféricas, estudadas pela Meteorologia, costumam ser usadas como pano de fundo e metáfora em várias músicas, visando transmitir sentimentos. A música "Chover" do grupo "Cordel do Fogo Encantado" já começa declamando, em ritmo de cordel, uma constatação popular que relaciona o canto do sabiá com as chuvas: "O sabiá no sertão Quando canta me comove Passa três ... continue lendo [...]

Conforto de Cabine

Em 2012, foi inaugurado o Centro de Engenharia de Conforto (CEC), localizado no Departamento de Engenharia Mecânica da Escola Politécnica da USP (Poli) como parte do LETE (Laboratory of Environmental and Thermal Engineering). O LETE também possui o CRC (Combustion Research Center), então é possível visualizar motores de avião e outros antes de chegar no espaço do CEC. O Centro foi construído ... continue lendo [...]

Entrevista: meteorologista e divulgadora

A divulgação científica permite alimentar o pensamento crítico e a criatividade através do conhecimento, assim como conscientizar a população da importância dessa área na formação da sociedade. Além disso, a ciência é muito divertida! Uma pessoa que promove um grande trabalho nessa área é a Samantha Martins, meteorologista da Estação Meteorológica do IAG-USP (Instituto de Astronomia, ... continue lendo [...]

Aviões e pressão do ar

Sabe quando você está na estrada subindo/descendo a serra ou decolando/pousando em um avião e sente o ouvido "tampar"? Algumas vezes, pode vir junto com dor além do desconforto, e crianças pequenas sentem muito mais, causando choro. Isso acontece devido à diferença da pressão do ar entre a parte interna e a parte externa do nosso ouvido, que estica a membrana do tímpano e causa o desconforto. ... continue lendo [...]

O que é a probabilidade de chuva?

É comum escutar nas previsões de tempo coisas do tipo "amanhã existe uma chance de 50% de chover". Mas a chuva não é um evento binário? Ou chove ou não chove e pronto. Quer dizer que existe uma chance em duas de eu me molhar? Informalmente, a probabilidade é considerada nesse caso como sendo a chance de chover. Uma possível interpretação para o termo probabilidade é a razão entre o número ... continue lendo [...]

Ventos e ciclones

De modo geral, vento é o fluxo de gases em grande escala. Ou seja, no espaço sideral, o vento solar é o movimento de gases e partículas carregadas emitidas pelo Sol através do espaço, por exemplo. Nesse texto, é explicado sobre o vento na atmosfera terrestre, a camada de ar que envolve o planeta. O movimento do ar é gerado principalmente pela diferença de pressão. Veja o exemplo da ... continue lendo [...]

Meteorologia forense

A Meteorologia pode ajudar a desvendar crimes, encontrar culpados e livrar inocentes? A meteorologia forense é o estudo científico aplicado ao processo de reconstruir as condições atmosféricos em um lugar e durante um período de tempo de interesse particular. Isso é possível graças a observações de superfície, imagens de radar e de satélite, relatos de testemunhas e outros dados. A Meteorologia ... continue lendo [...]

Balão bomba e correntes de jato

Em 1944, os japoneses começaram a lançar balões de hidrogênio com explosivos em direção aos Estados Unidos. Mas como chegariam até lá? Existem jatos de ar na alta troposfera que começaram a ser mais falados durante as incursões aéreas na Segunda Guerra Mundial na região do Pacífico, quando pilotos notificaram a existência de ventos de cauda acima de 160 km/h em certas rotas. Correntes ... continue lendo [...]